29 de abril de 2010

Voltas, Voltas, Voltas e mais Voltas

Este miúdo vira-me o juízo do avesso... completamente.
Á noite, é assim que o deito e assim ele fica (pelo menos até eu apagar a luz).

De manhã, quando acordo, vou dar com ele ASSIM!!!!!!!!!! (mas o que faz este miúdo enquanto dorme?

25 de abril de 2010

Salsichas Enroladas em Couve Lombarda

Quando era adolescente decidi fazer uma biblioteca com Revistas de Culinária, dizia eu que, quando me casasse iria fazer uma receita diferente todos os dias para o meu marido. (que ingénua) Depois de ingressar no mundo laboral e depois de juntar os trapinhos é que nos apercebemos que as refeições querem-se rápidas e simples para mais depressa nos podermos sentar no sofá a relaxar. A verdade é que folheando as centenas de revistas que tenho, páro sempre nas mesmas: as receitas cuja foto me enche as medidas e as receitas cujos ingredientes eu, por acaso, até tenho em casa. Mas, a verdade é que sempre fui péssima cozinheira.
Abençoado YouTube - acho que acabou de salvar o meu casamento.
Descobri um site, através do Youtube, em que podemos ver as receitas em vídeo passo-a-passo. Assim, não tenho como falhar NADA!
Esta foi a 1ª de muitas receitas que por lá andam.

Esta só levou Nota 8, porque segundo o Chefe cá de casa - "soube a pouco".

Link para Receita: http://www.youtube.com/watch?v=9ApKPWrhlNA&feature=player_embedded

22 de abril de 2010

Será?


Há sempre alguém que nos preenche a vida.
Há sempre alguém que sabe sempre aquilo que gostamos de ouvir.
Saber que nem todos os Homens são casmurros, orgulhosos e ignorantes já me deixa bastante Feliz. Quer dizer que ainda HÁ ESPERANÇA!

(prestem atenção aos primeiros 1:40minutos)

Precisa-se: Curso de Culinária

Sou fan do programa "Entre Pratos" e fan do seu portagonista Henrique Sá Pessoa, é um cozinheiro simples que faz receitas rápidas e sem ingredientes muito esquisitos para o nosso dia-a-dia. Já por diversas vezes quis participar em workshops de culinária mas, os preços são exurbitantes e continuo achar que não nasci para a cozinha. O que eu admiro principalmente nos Cozinheiros é que muitas vezes o tempero é feito a "olho" e eu cada vez que faço a "olho" dou-me mal... muito MAL!

O meu problema é que se não aprendo a cozinhar depressa das duas uma: ou mato o marido á fome ou ele divorcia-se de mim.
Sempre que quero fazer alguma coisa diferente peço sempre uma opinião á Mamã que é uma especialista (adoro a comida dela) mas, não sei porquê, as coisas feitas por mim saem sempre mal. Essencialmente abuso sempre no sal e tou a pensar fazer uma mini plantação de ervas aromáticas ali na banheira. Espero que resulte.

Também cá por casa se não sou eu a cozinhar, ninguem janta. Costuma-se dizer que "Quem corre por gosto não cansa"..... coitado, o Rui ás vezes deve vir com uma larica tão grande que come qualquer coisa que eu faça. E acreditem que, fazer almoços para amigos ou familía para mim é um verdadeiro DRAMA. É que se corre mal sou banida do grupo e destituída do testamento!

21 de abril de 2010

Nova Técnica

Não tenho dúvidas de que o Guilherme é um bebé inteligente e que aprende depressa.
E tenho muito orgulho em contribuir para este crescimento mental do meu filhote. Desde cedo que lhe "impigi" a diferença entre o Dia e a Noite e, fruto do meu árduo trabalho é que ele já dorme 6/7horas seguidas durante a noite e não faz as fitas que faz durante o dia. A noite é para dormir e ele já sabe a lição de cor.

O meu novo objectivo é: quebrar-lhe a manha do colo e do passeio. Sim, porque o menino Guilherme só está quietinho quando anda no meu colo ou no passeio no seu carrinho. Assim sendo, adoptei uma nova técnica que tenho experimentado há 2 dias: após a mamada (isto durante o dia, claro), meto-o a arrotar, mudo-lhe a fraldinha e aproveito que ele está bem disposto para brincar um pouco com ele, assim que ele começa a chorar coloco-o no berço. Hoje é o 2º dia e acabei agora de estar 30 minutos com ele na palhaçada, assim que começou a resmungar peguei nele e meti-o no berço.... não chorou, não fez qualquer tipo de som... fui lá espreitar há pouco... está acordado mas sossegadinho. Agora é esperar que durma um bocadinho

Como vêem, não há nada como um bocadinho de amor misturado com uma boa dose de paciência e preserverança para se conseguir aquilo que se pretende.

20 de abril de 2010

Desilusão...

Desilusão!!! Presunho que qualquer um saiba o seu significado. Se calhar desiludimo-nos mais vezes porque criamos expectativas demasiado altas em relação ás pessoas.

Hoje eu desiludi-me!

Não percebo o que leva as pessoas a usarem mentiras completamente desnecessárias. Juro que não compreendo! Ás vezes penso: será culpa minha? Será que sou demasiado chata e arrogante que leve as pessoas a mentirem-me só para não me ouvirem a refilar?
Se calhar sou eu que me chateio com coisas sem importância. Bom, para mim têm importância e, se as pessoas gostassem de mim como dizem faziam um esforço por tentar aceitar.

Apartir de hoje, NÃO QUERO MAIS SABER. A minha casa pode virar uma espelunca que eu não vou limpar. Posso acumular pacotes vazios em cima dos armários que não os vou colocar no saco da reciclagem.

Falta de Tempo já não se usa como desculpa.
Sorry. A minha paciência chegou mesmo ao fim!

19 de abril de 2010

2º Mesiversário

E pensar que o nosso pirralho já completou 2 meses e aos poucos vai-se tornando num pequeno grande Homenzinho. Senão, vejamos a evolução do Guilherme:

* A roupa de recém-nascido já não lhe serve
* A Mamã está com uns bíceps bem definidos porque pegar nele ao colo é um bom exercicío fisíco
* Já dorme 6/7horas seguidas (já dormiu 10 horas mas juro que não foi por culpa minha)
* Já mama 150ml, 5 vezes por dia (o que significa que uma Lata de leite já dura mais que 1 semana - logo é bom para a nossa carteira)
* Aos poucos vai-se habituando a certas "regalias" (gosta de adormecer ao colo e no carro, quando vamos em passeio)
* Tem a mania que é Homem e tosse para chamar a nossa atenção
* Já faz força nas pernas e mantém-se de pé (com a ajuda de alguém claro... senão era queda certinha)
* Continua com os olhos azuis o que significa que mais tarde vamos ter resmas de "noras"...


15 de abril de 2010

Voltei á roupa normal

Quase 2 meses depois de ter nascido o Guilherme é com grande satisfação que volto a usar a minha roupa! Já atingi o meu peso inicial e de bónus por ter-me portado bem ainda tive direito a perder 1kg extra. Neste momento estou com 58kgs, se bem que continuo a achar que estão muito mal distribuídos:
* Continuo com as mamas grandes (se bem que sempre foram)
* A minha mãe diz que pareço uma escanzelada (adoro as mães - elevam sempre a nossa auto-estima), que só tenho barriga e cu!
* A barriga está bem mais pequena! Se bem que ainda está um pouco flácida mas, nada que a continuação do exercicío fisíco não resolva.


Por falar em exercicío fisíco. Moramos a 5 minutos a pé do Estádio Nacional que, agora se encontra de "cara lavada". Dá gosto ir lá passear, seja de dia, seja de noite. Descobrimos por lá um verdadeiro Ginásio ao Ar Livre e achei fantástico este tipo de "construção". Nunca fui pessoa de me fechar num ginásio e fazer exercicio a olhar para as paredes.
As minhas tardes agora são assim: passeio o Guilherme até ao Estádio Nacional e faço por lá um pouco de exercicio. Para quê pagar balúrdios se podemos ter de graça e melhor, ao ar livre!?!

( O Rui bem se esforça por perder os kilitos a mais mas.... quando eu lhe peço "miminhos" ele traz-me Arroz Doce (que eu adoro) e Pasteís de Belém - este Homem quer á força arruinar a minha dieta que é para ele não ser o único obeso na familia ehehhehehe)

Há Procura de Respostas Parvas para Perguntas Idiotas

Há uma altura por dia em que me faço a mim mesma algumas perguntas ás quais não consigo encontrar uma única resposta que me agrade. Por exemplo:

* Porque é que enquanto estive grávida e agora que estou de Licença de Maternidade já recebi 4 telefonemas com ofertas de emprego?

* Porque é que o Guilherme adormece no meu colo e se o coloco no berço começa a chorar?

* Porque é que os Politícos prometem tanto nas campanhas eleitorais e quando se vêm no cargo levam anos a cumprir aquilo que prometeram?

* Porque é que os Srs. Engenheiros "desenham" passeios ondem não cabe nem um pé meu quanto mais um carrinho de bebé?

* Porque é que, mesmo sem jogar, não me sai o Euromilhões para eu comprar uma casa maior?

* Porque é que achamos sempre que as coisas boas/más só acontecem aos outros?

13 de abril de 2010

O Amor é ...

Sou uma pessoa romântica por Natureza e adoro sê-lo, se bem, que nos últimos tempos me tenho sentido muito desmotivada para actos românticos. Todos os dias, de alguma forma, mostro ou digo ao Rui que o Amo e que ele é tudo para mim (se bem que agora ele passou para 2º lugar no pódio do meu Coração). Sermos fiéis á nossa cara-metade é sem dúvida a maior prova de amor mas, há que saber preservar o amor/paixão e, isto sim, requer estudo provisório do nosso companheiro. Não basta dizer "amo-te" todos os dias para o assunto ficar despachado...

Como acho que cá em casa ninguem se dá ao trabalho de me "estudar", decidi eu mesma apresentar o estudo que fiz sobre a minha pessoa:

* Destesto receber flores (são sempre lindos os ramos mas, as flores depois de colhidas morrem depressa e não acho justo)
* Não gosto dos tradicionais Bombons (há que manter a linha e o namorado tem que ser cuidadoso com isso - quanto mais oferece-nos um pacote de bolachinhas integrais ou uma garrada de água Formas-Luso)
* Adoro mimos inesperados, do género, estar a ver TV e do nada o meu mais-que-tudo sussura ao meu ouvido "és linda" (mesmo que possa discordar)
* Adoro receber prendas sem ser no Natal ou no meu Aniversário
* Gostava de um dia poder ouvir dizer "Anda, hoje não vais fazer jantar porque te vou levar a jantar fora"

Lembrei-me de dizer isto porque vem aí o Dia da Mãe e, felizmente, já sou Mãe. Subtilmente disse ao Rui o que gostaria de receber (o novo livro da Dorothy Koomson)... quando lhe voltei a lembrar disse que não sabia que livro era.... (bom... ele passa tanto tempo cá em casa na internet a coordenar a equipa de futebol virtual que, perder 1 minuto que fosse a procurar o livro que eu gostava de receber era uma boa maneira de mostrar que de facto se importa com o que eu quero).

Mas, será que é preciso dizermos bem alto que EXISTIMOS para se lembrarem que também nós estamos CANSADOS, também nós gostamos de PALAVRAS bonitas, que também NÓS temos CORAÇÃO!

12 de abril de 2010

Nova Aquisição

Com a chegada do Guilherme não tivémos outra hipótese senão comprar um carro familiar. Fizémo-lo mais a pensar nas férias e na quantidade de bagagem que uma mulher leva sempre que se ausenta de casa... eu pelo menos sou assim... se fôr um fim-de-semana para fora, levo roupa para 1 semana - é que gosto sempre de ter várias opções!! Já o Rui não lhe acha tanta piada há quantidade de malas que levo... agora com o miúdo sempre tenho uma desculpa....

10 de abril de 2010

Trio Maravilha

Ser fim-de-semana, estar um Sol maravilhoso, um calorzinho agradavél... ficar em casa teria sido um PECADO.
Démos um pulinho a Belém e fizémos um verdadeiro pic-nic... até o Guilherme "almoçou" o seu biberon no Jardim.

2 de abril de 2010

Mais uma semana sozinha com o Gui e acho que me atiro da ponte. É degastante.
Quando me perguntam se o Guilherme é um bebé chorão a minha primeira resposta é NÃO mas, agora que penso melhor, definitivamente, o Guilherme É um bebé chorão.

*Acorda sempre a chorar
*Chora depois de comer
*Chora quando lhe mudo a fralda
*Chora depois de lhe dar banho

As únicas vezes em que não chora é mesmo quando anda a passear de carro. Não é que o sacaninha já é de manhas...

Posso andar morta de cansaço mas, vê-lo assim, faz-me esquecer TUDO

Hobbie

Adoro Trabalhos Manuais, já no meu tempo de escola era a disciplina que mais gostava. Ontem, o Guilherme lá me deu um pouco de descanso mas, que raramente utilizo para descansar (não sou mulher de estar muito tempo parada) e, decidi "alterar" esta cadeirinha para colocar no quarto do pequenote.
Acho que o resultado poderia ter ficado melhor se me tivesse lembrado de alinhar o raio dos bonecos.

Antes


Depois